Novidades Profauna

10/06/2019 07:00

1º dia da EXPEDIÇÃO 101 – A BR DA VIDA: no trecho gaúcho, 50 mortos e só duas placas


Graxaim-do-mato (Cerdocyon thous) foi um dos animais encontrados na BR-101

O primeiro dia da EXPEDIÇÃO 101 – A BR DA VIDA surpreendeu o coordenador geral do PROFAUNA, Tiago de Carvalho Leite. E, infelizmente, surpreendeu de forma bastante ruim: no trecho gaúcho da rodovia, ele encontrou 50 animais silvestres mortos por atropelamento e somente duas placas informando os motoristas sobre a possibilidade de haver fauna na pista.

“Sabemos que as rodovias brasileiras são carentes em estruturas para tentar evitar os atropelamentos de fauna, mas a quantidade de animais mortos que encontrei e a total carência de qualquer medida mitigadora foi além do que esperava”, salientou Tiago. O coordenador geral do PROFAUNA partiu às 8h45 de ontem, 9 de junho, de São José do Norte, extremo sul do RS, e encerrou a viagem de moto em Laguna, já no estado de Santa Catarina. Foram 563 quilômetros percorridos nesta primeira etapa.

Este graxaim-do-mato (Cerdocyon thous) foi o primeiro animal morto encontradoLogo às 9h50, pouco mais de uma hora de viagem, Tiago encontrou o primeiro animal morto por atropelamento: um graxaim-do-mato (Cerdocyon thous). Depois desse primeiro registro, tornou-se rotina encontrar vítimas das estradas. “Eu registrei 50, mas houve locais em que avistei o animal morto e, por não conseguir parar por questões de segurança, não contabilizei”, afirmou.

Foram mamíferos, aves e répteis das mais diversas espécies.

A abundância de fauna morta contrasta com a falta de estruturas para evitar os atropelamentos. Nenhuma passagem de fauna ou redutores de velocidade e somente duas placas indicativas da possibilidade de animais tentarem cruzar a pista. “A primeira placa eu avistei quando tinha rodado 390 quilômetros!”.

Vale ressaltar que as Tiago cruzou o trecho da BR-101 que corta o Parque Nacional da Lagoa do Peixe e, justamente em uma área de natureza conservada, não há qualquer sinalização ou estrutura para redução de atropelamentos de fauna.

Trecho da rodovia que corta o parque nacional

A expedição
A EXPEDIÇÃO 101 – A BR DA VIDA é uma iniciativa do PROFAUNA para verificar a estrutura de redução de atropelamentos de fauna desta que é uma das mais importantes rodovias do país. Também estão sendo registrados os casos de atropelamentos de animais. A viagem está sendo realizada pelo coordenador geral do PROFAUNA, Tiago de Carvalho Leite, que percorrerá os quase 1.600 quilômetros entre São José do Norte (RS) e Ubatuba (SP).

A expedição, que faz parte do projeto 101: A BR DA VIDA, deverá terminar na terça-feira, dia 11 de junho.

Diariamente, publicaremos relatos da viagem aqui em nosso site e na página do PROFAUNA no Facebook. Nos acompanhe e compartilhe os posts.

- Releia a primeira matéria sobre a expedição: EXPEDIÇÃO 101 – A BR DA VIDA já está na estrada (9 de junho de 2019)


Postado por PROFAUNA às 10/06/2019 07:00



Deixa seu comentario

Este projeto te interessa? Você pode colaborar conosco e solicitar mas informações. Entre em contato e saiba como ajudar.

Denuncie

O combate ao tráfico de animais silvestres é responsabilidade de todos nós e não apenas dos órgãos de fiscalização do poder público. Toda a sociedade tem de se envolver nessa luta! Sua omissão contribui para que animais continuem sendo vítimas dos traficantes. Saiba como denunciar e o que você pode fazer para ajudar.

Parceiros

Ajude o PROFAUNA

O PROFAUNA desenvolve diversos projetos para conservar a biodiversidade brasileira, com destaque para o combate ao tráfico de animais silvestres. A luta por um mundo mais justo, que respeita as diferentes formas de vida depende de todos nós. Sua participação nessa luta é muito importante!
Saiba como colaborar com nosso trabalho.